Ponte Aérea

Onde a notícia voa

Etihad pode adiar e cancelar encomendas

Etihad estuda postergar e cancelar encomendas da Airbus e Boeing

A Etihad, empresa com sede em Abu Dhabi, pode postergar e cancelar encomendas das duas maiores fabricantes de aviões, Airbus e Boeing. A empresa do emirado vem acumulando perdas próximas a US$ 2 bilhões.

Existem três opções em estudo para a encomenda de 165 aviões, postergar entregas, mudar modelos e o cancelamento definitivo. Segundo a Reuters, Airbus e Boeing já se preparam para as mudanças e cancelamentos dos pedidos. O anúncio inclusive deve ser feito em breve pela Etihad.

6DA09C81-AA1B-4563-8834-754819C849F9-215-000000873134298F
Etihad opera com uma frota de 110 aeronaves.

O replanejamento da frota seria uma das formas para a Etihad sanar seus problemas financeiros. A estratégia de expansão da empresa de adquirir ou ter participações em empresas de diversos países, acabou gerando um rombo bilionário. No último ano, a Air Berlin faliu e o investimento na Alitalia não gerou resultado positivo.

A Etihad possui pedido para 88 aeronaves a Airbus, sendo 62 do Airbus A350, a Boeing conta com 77 aviões na carteira de encomenda, 52 são Boeing 787.

Pedidos feitos a Airbus

Airbus A321neo – 26

Airbus A350-900 – 40

Airbus A350-1000 – 22

Pedidos feitos a Boeing

Boeing 777-8 – 8

Boeing 777-9 – 17

Boeing 787-9 – 22

Boeing 787-10 – 30