Aviação Civil

Emirates anuncia redução nos voos para o Brasil

Empresa aérea de Dubai reduzirá frequências para São Paulo e Rio de Janeiro.

A Emirates vai reduzir suas frequências para o Brasil a partir do próximo dia 8 de dezembro de 2018. A empresa realizou uma revisão de suas operações, afim de garantir uma melhor utilização comercial de sua frota de aeronaves.

O voo diário EK263, ligando Dubai (DXB) a Santiago do Chile (SCL) via São Paulo terá um voo a menos, caindo para quatro voos semanais. O mesmo ocorre no sentido inverso no EK264, Santiago do Chile (SCL) a Dubai (DXB) via São Paulo (GRU).

IMG_1012 copy

As sete frequências diárias com o A380 para São Paulo (GRU) permanecem inalteradas.

Os atuais EK261 e EK262 voos operado pelo Airbus A380, não sofreram alteração, permanecendo diário. Com o corte de um voo, a Emirates irá disponiblizar no total 11 voos semanais entre Dubai (DXB) e São Paulo (GRU).

Consultada pelo Ponte Aérea sobre a redução de voos em São Paulo a Emirates respondeu:

Sobre voos DXB – GRU – SCL:

“A partir de 8 de dezembro de 2018, a Emirates vai operar quatro voos por semana entre Dubai (DXB) e Santiago do Chile (SCL) via São Paulo (GRU) em vez dos cinco voos semanais atuais. O voo de volta EK 264 de Santiago do Chile (SCL) para Dubai (DXB) via São Paulo (GRU) também vai operar apenas quatro vezes por semana, ao invés dos atuais cinco voos semanais a partir de 9 de dezembro de 2018.

Os passageiros são aconselhados a visitar o site http://www.emirates.com para verificar as datas e os horários atualizados. A decisão foi tomada após uma revisão recente de nossas operações, que foi realizada para garantir a utilização comercial ótima de nossa frota de aeronaves.

Os passageiros com reservas nos voos afetados foram automaticamente remanejados para voos alternativos e devem entrar em contato com a Emirates ou a agência de viagens na qual a reserva original foi feita para qualquer assistência adicional.

A Emirates pede desculpas aos nossos clientes por qualquer inconveniente causado. Brasil e Chile continuam sendo importantes destinos de negócios e lazer para a Emirates e a companhia aérea continua comprometida em atender os clientes nos dois países com quatro voos semanais para Santiago e onze voos semanais para São Paulo partindo de Dubai.”

Já os voos diários EK247 para o Buenos Aires (EZE) via Rio de Janeiro (GIG) terá duas frequências a menos a partir de 7 março de 2019. O voo EK248 no sentido inverso, também foi reduzido para cinco semanais. O equipamento utilizado na rota continua a ser o Boeing 777-300ER.

Consultada pelo Ponte Aérea sobre a redução dos voos para o Rio de Janeiro e Buenos Aires a Emirates respondeu:

Sobre voos DXB – GIG – EZE:

“A partir de 7 de março de 2019, a Emirates vai operar cinco voos por semana entre Dubai (DXB) e Buenos Aires (EZE) via Rio de Janeiro (GIG) em vez dos nossos atuais sete voos semanais.

Os passageiros são aconselhados a visitar o site http://www.emirates.com para verificar as datas e os horários atualizados. A decisão foi tomada após uma revisão recente de nossas operações, que foi realizada para garantir a utilização comercial ótima de nossa frota de aeronaves.

Os passageiros com reservas nos voos afetados foram automaticamente remanejados para voos alternativos e devem entrar em contato com a Emirates ou a agência de viagens na qual a reserva original foi feita para qualquer assistência adicional.

A Emirates pede desculpas aos nossos clientes por qualquer inconveniente causado. A Argentina e o Brasil continuam sendo importantes destinos de negócios e lazer para a Emirates e continuamos comprometidos em atender nossos clientes nos dois países com nossos cinco voos semanais para a Argentina e 16 voos semanais para o Brasil (Rio de Janeiro e São Paulo) partindo de Dubai.”

Além do corte de voos para o mercado brasileiro, chileno e argentino, a Emirates também anunciou cortes em outros mercados na Ásia, Estados Unidos e Europa. Como podemos ver pela posição da Emirates, os cortes realizados não se devem pelo motivo das futuras obras da pista Sul (12R-34L), no aeroporto de Dubai. No comunicado a empresa não menciona, mas os cortes de alguns voos foram programados meses atrás.

Provavelmente são ajustes de oferta e demanda sazonais em alguns mercados durante o período do inverno IATA (inverno no hemisfério Norte) somado com os cancelamentos de voos devido a obras na pista Sul – 12L/34R – do aeroporto de Dubai (DXB), que vai ocorrer entre os meses de abril e maio de 2019.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s