Aviação Civil

Chile aprova joint venture formada pela LATAM, American e IAG

Joint venture é estratégica para o Grupo LATAM.

O Tribunal de Defesa da Livre Concorrência do Chile (TDLC) aprovou na última quarta-feira (31), a joint venture formanda entre o Grupo LATAM, American Airlines e a International Airlines Group (IAG) holding que controla a British Airways e Iberia.

A aprovação do tribunal, exige que a LATAM mantenha sua capacidade nas rotas sem escalas de Santiago para Miami e Madri, e capacidade adicional nas rotas para a América do Norte e Europa.

“O Grupo LATAM está atualmente analisando as implicações das medidas de mitigação do Tribunal de Defesa da Livre Concorrência do Chile (TDLC) e comunicará sua posição assim que elas forem avaliadas em profundidade”, disse a companhia aérea sediada em Santiago.

IMG_6925_pa

“Esta decisão, em princípio, é um importante precedente para a aviação em nossa região. Como tem sido demonstrada em outras partes do mundo onde os JBAs já são uma realidade, esta é uma oportunidade para garantir o crescimento da indústria, aumentar o tráfego de passageiros e aproximar o Chile do mundo bem como promover o turismo, viagens de negócios e economia através da aviação”, disse o CEO do Grupo Latam Airlines, Enrique Cueto.

A JV formada por LATAM, American e IAG, já recebeu aprovação no Brasil pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), e dos órgãos reguladores da Colômbia, e Uruguai.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s