Aviação Civil

Embraer entrega o 1.500º E-Jet

Aeronave modelo E175, foi entregue à Horizon Air.

A Embraer entregou o 1.500º E-Jet, a aeronave modelo E175, foi entregue à Horizon Air, empresa subsidiária da Alaska Air. A Horizon Air encerrará o ano de 2018 com 26 E175 em sua frota, e quatro aeronaves estão programadas para serem entregues em 2019.

Ao longo da história do programa E-Jet, a taxa média de voos concluídos é de 99,9%, com um total de mais de 18 mihões de ciclos de voo, superando mais de 25 milhões de horas voadas. A Embraer disponibiliza ao cliente da familia E-Jet 17 centros de serviços disponiblizados ao redor do mundo, quatro deles são próprios e 13 autorizados pela fabricante brasileira.

IMG_2978.PNG

Embraer de número 1.500 foi entregue a Horizon Air.

A Embraer vendeu mais de 435 jatos do modelo E175 para companhias aéreas na América do Norte desde janeiro de 2013, obtendo mais de 80% do total de pedidos no segmento de jatos de até 76 assentos.

“Entregar nosso E-Jet de número 1.500 não é uma tarefa pequena. Ao longo dos anos, trabalhamos continuamente para nos superarmos, a fim de oferecer aos nossos clientes a melhor solução para seus modelos de negócios, e o sucesso da família de E-Jets no mercado é a prova desse esforço e da forma de pensar dentro da empresa”, disse John Slattery, Presidente & CEO da Embraer Aviação Comercial.

O programa da família E-jet foi lançado durante o Paris Air Show, em junho de 1999. O ERJ 170 e ERJ 190 foram anunciados com encomendas da Crossair, 30 ERJ170 e 30 ERJ190. O roll-out aconteceu em outubro de 2001, apresentando o protótipo do E170, matrícula PP-XJE. O primeiro voo ocorreu no dia 19 de fevereiro de 2002, iniciando os voos da campanha de testes.

Com o pedido de falência da SAirGroup a Crossair, cliente de lançamento do ERJ 170, sofreu uma reformulação, assumimdo as operações da Swiss, companhia formada após a bancarrota da Swissair. Os 60 E-Jets encomendados nunca foram entregues, coube a LOT Polish Airlines ser a empresa lançadora do novo jato da fabricante brasileira.

BE136DEF-37B2-42E1-B7F6-2F28004FE80E-393-0000001C657FF60B

Foto: Embraer

Em junho de 2003, a versão extendida do E170, o E175 realizou seu primeiro voo, sendo entregue a Air Canada em julho de 2005. O primeiro voo do E190 foi realizado no dia 12 de março de 2004, a maior versão da familia E-Jet, o E195 realizou seu primeiro vôo em 7 de dezembro do mesmo ano.

O cliente de lançamento do E190 foi a jetBlue, a primeira entrega ocorreu em setembro de 2005. A operadora britânica de baixo custo Flybe foi a primeira operadora do E195, e iniciou as operações com a aeronave em 22 de setembro de 2006.

FB5A9897-B5B0-476F-AB2E-ADC99F14D406-393-00000027D481E22A

Foto: Embraer

Em 2013, a Embraer lançou a segundo geração de E-Jets, os E-Jets E2, composta por três aeronaves – E175-E2, E190-E2, E195-E2. Em abril de 2018, a Embraer entregou o primeiro E190-E2 à norueguesa Widerøe. As versões E175-E2 e E195-E2 estão programadas para entrarem em serviço em 2020 e 2019 respectivamente.

Em 2019, a Azul receberá o primeiro E195-E2 como launch customer do modelo. A companhia aérea brasileira é a maior operadora do Embraer 190-200, conhecido comercialmente como E195, com 59 aeronaves na frota. Além do E195, a empresa conta com 10 unidades do E190, totalizando 69 aeronaves da familia E-Jet utilizadas pela aérea.

DSC_0040

Azul é a maior operadora mundial do E195.

 

Maiores operadores por modelo:

E170

Republic Airlines – 51

E175

Skywest – 131

E190

jetBlue – 60

E195

Azul – 59

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s