Aviação Civil

Bombardier vende programa de jatos regionais CRJ para a Mitsubishi por US$ 550 mi

Com aquisição Mitsubishi cria base de suporte para o SpaceJet, novo jato regional da fabricante.

A Bombardier assinou acordo para a venda do programa de jatos regionais Canadair Regional Jet (CRJ) para a Mitsubishi Heavy Industries. A fabricante japonesa pagará US$ 550 milhões e assumirá US$ 200 milhões em dívidas e obrigações relacionadas ao programa CRJ.

A venda da família CRJ marca o fim de 33 anos de história da Bombardier na produção de aeronaves comerciais. A fabricante com sede em Montreal deixará de produzir aeronaves comerciais, após vender a linha C-Series à Airbus e os turboélices Dash-8 para a Longview Aviation Capital.

D5A0E320-E6C3-4B82-81FA-83AF8A7DD108-871-0000003309C80710

American Eagle é uma das principais cliente do CRJ.

O segmento de aviação executiva, que inclui o Learjet e Challenger, será mantido pela canadense, além da produção de componentes e trens.

Ao todo, o programa CRJ emprega 1.600 funcionários, segundo planejamento inicial a Mitsubishi pretende manter 1.200 postos de trabalho. A fabricante japonesa assumirá as instalações de suporte e manutenção em Montreal, Toronto, Brigeport e Tucson. Toda a unidade de marketing e vendas do CRJ e suporte aos clientes também será de responsabilidade da Mitsubishi.

Com a aquisição, a japonesa amplia sua base de suporte, o que pode alavancar potenciais vendas do SpaceJet, jato para 70-80 passageiros que antenderá as regras do mercado regional dos Estados Unidos.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s