Ponte Aérea

Onde a notícia voa

EUA aprovam venda de P-3 Orion para Argentina

140813-N-QR600-174 PACIFIC OCEAN (Aug. 13, 2014) A P-3C Orion aircraft from Patrol Squadron (VP) 40 flies a mission during GUAMEX 2014. GUAMEX is a multilateral exercise intended to enhance the interoperability and to strengthen personnel ties between the U.S. Navy, Japan Maritime Self-Defense Force, Royal Australian Air Force, and Royal New Zealand Air Force. (U.S. Navy photo by Mass Communication Specialist 2nd Class Jillian Lotti/Released)

Aeronaves virão de estoques de excedentes de defesa.

O Departamento de Estado dos Estados Unidos, através da Agência de Cooperação em Segurança e Defesa (DSCA), aprovou a venda de quatro aeronaves de patrulha marítima Lockheed P-3C Orion. O contrato avaliado em US$78,32 milhões contempla, além das aeronaves, serviços de suporte, quatro motores extras, radares e sensores infravermelhos e eletro-ópticos, peças sobressalentes e de reposição, traslado e outros suportes logísticos.

1280px-Lockheed_P-3C-IIIR_Orion_'158924'_(16138442213)
As aeronaves virão dos estoques dos EUA, na Base Aérea de Davis-Monthan. Foto: Alan Wilson. 

As aeronaves virão dos estoques de Excedentes de Artigos de Defesa (EDA), e deverão ser reformadas e revitalizadas para estarem totalmente operacionais e cumprir a sua missão. Os P-3C substituirão os atuais P-3B da Armada Argentina, que já chegaram ao fim da sua vida útil.

0FF.jpg
P-3B Orion argentino. Foto: Gabriel Luque/Airliners.net

As principais empresas contratadas são a Eagle Systems, Lockheed Martin Aircraft Center, Logistic Services International e Rockwell Collins. De acordo com a declaração da DSCA, a venda não irá alterar o equilíbrio militar na região.